terça-feira, 7 de abril de 2009

Quando o capitalismo engoliu os bons modos


Como são as coisas. A vida inteira levei tapa no focinho quando pulei nas mesas. Não importa a mesa, se tinha comida ou se eu queria só mesmo espiar. Era pular e levar no focinho. Ontem me levaram fazer foto para uma revista (ah gente, maga no mundo de caras) aí insistiram que eu tinha que ficar de pé na mesa. Ainda ganhei granola, pude lamber o chop que derrubei e dar uma lambida em um lanche, a cada vez que fiquei em pé. Vai entender.

Um comentário:

Fabio disse...

Ora, ora, vejam só. Não é que a Maga puxou a dona e virou uma capitalista selvagem?