segunda-feira, 25 de junho de 2007

Festa no interior - parte I




Foram muitas emoções nesse final de semana. Conheci a casa da minha avó no interior, rolei no chão e no jardim, fucei tanto que espetei meu nariz na roseira. Agora estou um cão-tamanduá, com o nariz torto e inchado.

Um comentário:

Lara disse...

O acontecimento:
Magá no colo do Ric, na casa da vovó da Déa.
Lara: "Ric, o que tem no focinho da Magali?"
Ric: "Acho que tem um espinho, mas num fala pra Dea que ela vai ficar preocupada".
Eu: "Vamos tirar, né?!"
Eu segurei o focinho, o Ric puxou o espinho.
Ric: "Era mesmo!"
Lara: "Nem ficou marquinha. Ufa!"
Mas depois num deu para ESCONDER DA MAMÃE CORUJA o focinho ficou inchado...rs!